SIBSIB

A responsabilidade do design gráfico

A responsabilidade do design nos livros didáticos

O design editorial para livros didáticos é diferente do design criado para os demais livros porque está a serviço da educação, ou seja, deve ser um meio de facilitar a aprendizagem de quem está usando o livro.

É necessário atribuir ao original do autor uma organização gráfica que permita ao aluno se orientar por ela e assimilar de maneira mais facil o conteúdo.
 
A proposta didático-pedagógica de uma obra deve traduzir-se no seu projeto gráfico. De nada adianta o texto ser bem escrito e as idéias bem desenvolvidas e encadeadas se a organização dos blocos de texto, da hierarquização do conteúdo e da distribuição das imagens, por exemplo, for confusa e gerar dúvidas a respeito do fluxo de leitura ou se a fonte escolhida gerar cansaço nas vistas, atrapalhando o aprendizado.
É preciso classificar visualmente cada tipo de informação e garantir a organização clara, coerente e funcional. Nenhum elemento visual deve ser inserido sem ter uma função e os recursos gráficos devem garantir a hierarquia de titulagens e seções. Assim deve acontecer também com a legibilidade gráfica: as tipologias, os tamanhos de colunas, alinhamentos, corpos dos tipos gráficos e entrelinhas devem ser ideais ao público a que a obra se destina.

Além de atender as necessidades de seu público, o design tem também papel fundamental na aprovação da obra nos editais do PNLD (Programa Nacional do Livro Didático).
 
Este programa é voltado à distribuição de obras didáticas aos estudantes da rede pública de ensino brasileira e é o maior comprador deste tipo de material.

Mas para serem adquiridos pelo governo, os livros passam por rigorosas avaliações.

Além de verificações pedagógicas, os livros didáticos também são submetidos a seleções pelo Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT), que certifica se as obras apresentadas se enquadram nas exigências técnicas e físicas dederminadas pelo edital.

Caso você tenha curiosidade de conhecer um pouco mais a respeito destas regras, é só acessar a parte de editais que está no portal do MEC: http://portal.mec.gov.br

_________________
Sandra Homma é Formada em Comunicação Visual pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo, trabalha com a produção de livros didáticos há 20 anos e atualmente coordena a equipe de design e projetos visuais da editora Moderna.

Comments are closed.

SIB NEWS

O autor-ilustrador Orlando Pedroso lança o livro GORDINHAS, com prefácio da cartunista e chargista Laerte. Dia 28/11, às 19h30 no Bar Genial, na Vila Madalena, na capital paulista. Convite feito!


O ilustrador, infografista e designer gráfico Caco Bressane atesta o quanto é enriquecedor colaborar com projetos profissionais que envolvem um time de colaboradores. Algumas dessas demandas podem fortalecer os…


Alexandre Rampazzo e Mauricio Negro convidam para o bate-papo e autógrafos dos respectivos lançamentos no sábado, 18/11, às 17h00, na 5º edição da Festa do Conhecimento, Literatura e Cultura Negra, na Faculdade Zumbi dos Palmares, na capital paulista. Às 14h00 Negro também participa da mesa “Depois que o Samba é Samba” com Paulo Lins, Martinho da Vila, João Batista de Medeiros Vargens e Duca Rachid, com mediação de Chiquinho de Assis. Compareça!


Exposição de artes gráficas na programação oficial do CEDHU Piracicaba. Artistas brasileiras e estrangeiras mostram suas produções no âmbito das comemorações e reflexões do Dia Internacional da Mulher. Inscrições abertas!


Que tal desenhar, escrever e um pouco mais enquanto se encanta pela paisagem da Chapada Diamantina? Confira aqui e veja como participar dessa rara experiência!


ver todos